visitar-salar-de-uyuni

Como visitar o Salar de Uyuni

Antes de falarmos de como visitar o Salar de Uyuni na Bolívia, é preciso entender que estamos a falar do maior deserto de sal do mundo! São 10.582 km2, fui confirmar à Wikipédia, a a 3.656 metros acima do nível médio do mar. Contudo, não se preocupem, aqui não há nada para subir, logo os pulmões aguentam bem!

Situado na Bolívia, entre os departamentos de Potosí e Oruro, o salar pode ser livremente visitado e não requer pagamento. Fala-se em planos para controlar as visitas, assim como a sua exploração, mas até ao momento nada!

Como visitar o Salar de Uyuni?

Se quer ir bem dentro, o melhor mesmo é ir com uma tour. São km e km de chão branco e com apenas o azul como infinito, logo não há pontos de referência, ou seja, é muito fácil alguém se perder aqui.
Além disso, se optarem por conduzir, vai ser um inédito: conduzir em cima de sal. Na mesma altura em que visitei o Salar de Uyuni (junho de 2019), houve um carro que alegadamente ia em excesso de velocidade e quer o condutor, quer dois ocupantes acabaram por falecer!

Em Uyuni, a cidade mais próxima, há várias agências que oferecem tours ao Salar de Uyuni, assim como também as há desde Sucre ou La Paz. Todavia, se chegarem aqui por conta própria, sempre sai mais barato.
Além disso, muitas das tours do Salar de Uyuni incluem diferentes serviços. Por exemplo, pode ficar a dormir no Salar de Uyuni ou aproveitar para conhecer a Reserva nacional de fauna andina Eduardo Abaroa. Pessoalmente, adorei o salar; sim, é único e especial. Contudo, a Reserva Eduardo Abaroa superou tudo.

Fotografias no Salar de Uyuni

Salar-de-Uyuni-fotografias

Como o salar é muito vasto e deserto, as fotografias em perspectiva tornaram-se bastante populares. Aliás, tão populares que muitas das tours ao salar incluem um tempo para uma sessão fotográfica.

Para tirar fotografias no Salar de Uyuni, recomenda-se o uso de iPhone e não apenas pela qualidade, mas também pelo posicionamento da câmara, que como está mais em baixo fotografa melhor.

Eu fiz a minha tour com UYUNI SALTY Desert e o nosso guia, o fofinho Antonio, tinha uma paciência sem fim para nos dar instruções para as poses e ainda fez uns vídeos bem catitas!
Além disso, as ideias são infinitas, ou seja, podem sempre levar com vocês acessórios e montar a vossa produção.

Visitar o Salar de Uyuni na temporada das chuvas

Salar-de-Uyuni-tours
Salar de Uyuni em tempo de chuva – foto de banco de imagem

Embora possam visitar o Salar de Uyuni durante todo o ano, durante a temporada das chuvas (termina em junho), a coisa é um bocadinho mais mágica. Isto, porque as poças de água se transformam em verdadeiros espelhos, reflectindo tudo à sua volta.

Dormir no Salar de Uyuni

Existe um hotel no Salar de Uyuni e é bem básico. Se aí vão dormir, levem roupa bem quentinha, porque à noite faz um frio do caracinhas, inclusive com temperaturas abaixo de zero! Enquanto há sol, tudo bem!
Se vão na época de chuvas, também se recomenda bons sapatos e bem fechadinhos. À noite, fintem o frio e apreciem as estrelas – lindo!
Todavia, se são viajantes poupadinhos, tipo eu, tenham em conta que apesar de básico, não é propriamente barato dormir aqui!

 

O que mais visitar o Salar de Uyuni?

salar-de-uyuni-visitar
visitar Salar de Uyuni

O salar em si e as fotos são mesmo a maior atracção. O espaço é imenso e andar ali de carro, naquele infinito, tem o seu quê de mágico! Contudo, há mais coisinhas para ver:

  • DAKAR – Durante quatro anos, realizou-se aqui o famoso Dakar. Quem esteve lá, diz que foi a loucura! Hoje em dia, está lá a estatueta a recordar esses tempos.
  • PRAÇA DAS BANDEIRAS – Não faça a mínima se se chama assim. Aliás, acabei de a baptizar. Situada mesmo à frente do hotel, é uma zona com um sem fim de bandeiras. Obviamente que quem chega ali, começa logo a esfuçar, à procura da sua bandeira. E não, não havia a de Portugal. Assim sendo, se forem visitar o Salar de Uyuni levem uma bandeirinha com vocês e hasteiem-na! “Às armas, às armas!”
  • ISLA INCAHUASI – Também conhecida como a Isla del Pescado e que, tal como o nome indica, é uma das muitas ilhas do salar. Vale bem a pena subir, apenas para apreciar as belas vistas, daquele manto branco de chão, com vários cactos (alguns de 12 metros!) na paisagem. Lindo! Para chegarem aqui, tem mesmo de ser de carro.

Que mais visitar em Uyuni?

cemiterio-dos-comboios-Uyuni
Cemitério dos comboios

Além do salar, podem também ir ao cemitério dos comboios e suuuuuuper recomendo a Reserva nacional de fauna andina Eduardo Abaroa, mas sobre isso, falo noutro artigo!