cinque-terre-de-comboio

Visitar Cinque Terre de comboio: Dicas de viagem

Há muito que queria visitar Cinque Terre de comboio! Tinha claro, pelas fotos, que havia ali muito photoshop, mas ainda assim, mantinha-se o interesse! Fui, gostei e recomendo. Lindinho. Lindo. Lindão. Aliás, palavra de escuteiro que neste artigo usei sempre as fotos originais, nada (de nada de nada) de filtros ou retoques nas imagens! Ainda assim, na hora de visitar Cinque Terre, aqui ficam cinco dicas essenciais:

  • Ter paciência
  • Ter muita paciência
  • Ter mesmo muita paciência
  • Bons sapatos
  • Perninhas – não que seja necessário ter uma preparação atleta, mas a coisa cansa. Mas já lá vamos.

Segundo nos disseram, em 2017, Cinque Terre recebeu mais visitantes do que Veneza! Não sei se é verdade ou não, mas isso é MUITA gente! Logo preparem-se para os empurrões, filas de gente, alguns mal-educadões, etc. Não deixem que isso vos tire o prazer da viagem. Até porque basta fugir do centro, para encontrar alguns spots tranquilos, aproveitar as vistas e até dormir uma sesta!

Sobre visitar Cinque Terre, a saber:

As 5 terras de Cinque Terre

visitar-cinque-terre-italia
visitar Cinque Terre

Tal como o nome indica, Cinque Terre são cinco localidades italianas. Situadas na região da Liguria, na Riviera Ligure, são cinco velhas povoações de pescadores, bem coloridas e que se caracterizam por estar situadas numas encostas sem fim – sim, há muito para subir. Estas são as 5 terras de Cinque Terre:

  • Riomaggiore
  • Manarola
  • Corniglia
  • Vernazza
  • Monterosso

Como visitar Cinque Terre?

A maioria das pessoas opta por  visitar Cinque Terre de comboio. Outras vão de carro, mas sinceramente, deixaria esta ideia de parte. É MUITO difícil estacionar e há que deixar o carro longe. Outra opção é ir de barco e se estão dispostos a abrir os cordões à bolsa, acredito que deva valer MUITO a pena mesmo. Por último, perninhas: fazendo as trilhas que ligam uma terra à outra. Ainda assim, há que chegar sempre de comboio a uma das terras. Isso e ter em conta que:

  1. Há caminhos com opções de trilha cuja duração superam as 4 horas e que devem ser feitas por pessoas mais em forma, vá.
  2. Confirmar sempre se as trilhas estão abertas. Como a área é muito acidentada é comum fecharem alguns troços para manutenção.

Visitar Cinque Terre de comboio:

La Spezia é o melhor ponto de partido. Se for esta a vossa opção, em meia hora é possível ir de La Spezia a Monterosso (a última terra). Quanto aos bilhetes de comboio, há várias opções:

Comprar o bilhete na estação nas máquinas ou online, no site da Trenitalia (a empresa de comboios italiana), que existem em cada estação.

cinque-terre-cartao
O cartão Cinque Terre

Comprar o Cinque Terre Card, que permite viajar de forma flexível (e as vezes que quiser). Com este cartão tem ainda acesso a WiFi, aos autocarros locais e aos vários trails de Cinque Terre. Preços do cartão Cinque Terre:

  • 1 Dia: Cartão Cinque Terre com comboio 16€
  • 2 Dias: Cartão Cinque Terre com comboio 29€
  • 3 Dias: Cartão Cinque Terre com comboio 41€

Na minha opinião, o melhor é fazer as contas. Deste modo, podem ver se compensa ou não comprar as viagens separadamente ou optar pelo Cinque Terre card.

Eu optei pelo cartão Cinque Terre. Primeiro, pela flexibilidade (pode-se subir e entrar as vezes que quiser); depois, para evitar ter de andar a comprar sempre o bilhete e as filas nas máquinas – acreditem: as estações ficam à pinha!

DICAS PARA VIAJAR DE COMBOIO EM ITÁLIA

Dicas para quem viajar de comboio:

  • Comprar o bilhete com antecedência. De manhã, quer as filas das bilheteiras na estação de La Spezia, quer as do gabinete onde se compra o Cinque Terre Card são enormes.
  • Na hora de apanhar o comboio, optem pelos vagões dos extremos do comboio. Os do meio enchem facilmente. Ao ponto de ou não conseguir entrar ou ir de pé.
  • Não vale a pena matar-se por um lugar à janela. Grande parte da viagem é feita em túneis.
  • Há wc no comboio  para Cinque Terre – muito mal-cheirosos, mas cumprem!
  • Antes de entrar no comboio, valide SEMPRE o bilhete nas máquinas. Se comprar o Cinque Terre Card – só o tem de validar uma vez, mas faça-o.

Visitar Cinque Terre: Quantos dias?

Sinceramente, dá para ver tudo num dia. Todavia, vale a pena aproveitar as terrinhas! Por exemplo, almoçar numa; para depois beber café noutra e comer um gelado na seguinte. Se vai fazer os trilhos de Cinque Terre, vai precisar de mais de um dia. Eu fiz dois dias.

Onde ficar em Cinque Terre?

Como referi antes, eu fiquei em La Spezia. Aliás, por causa dos preços, muita gente opta por dormir em La Spezia e daqui apanhar o comboio que passa pelas terrinhas.

Outra possibilidade é ficar hospedado numa das terras – tem de ser uma experiência incrível! Uma coisa que me surpreendeu MUITO foram os preços, quer em Cinque Terre, quer em La Spezia, pois tendo em conta o turismo, são valores muito honestos – ainda mais para Itália!

Por que ordem visitar Cinque Terre?

Sinceramente, acho isso completamente indiferente. Além disso, não vale a pena ter um plano definido. Por exemplo, quando ia de Riomaggiore para Manarola, o comboio não parou. A razão? Demasiado gente em Manarola. Visitei a terra seguinte, Corniglia, e depois voltei atrás.

 

Visitar Cinque Terre: As 5 terras

Aqui ficam algumas considerações sobre cada uma das Cinque Terre. Como disse antes, não há uma ordem sobre qual visitar, mas coloco aqui pela ordem das paragens de comboio desde que inicia a viagem em La Spezia.

Visitar Cinque Terre: Visitar Riomaggiore

visitar-cinque-terre-Riomaggiore
Cinque Terre: aqui Riomaggiore

Riomaggiore é logo a primeira paragem. Muito fofinha, é um verdadeiro postal. Há a possibilidade de fazer mergulho . Apesar de pequenina, há muito por onde subir. De todas as terras, esta é aquela onde vi menos opções de bares e restaurantes.

Visitar Cinque Terre: Visitar Manarola

cinque-terre-Manarola
Manarola uma das mais fotogénicas das cinco terras

Manarola é, possivelmente, de todas as cinco terras a mais fotogénica! Além do porto, muito bonito, é possível apreciar as montanhas, todas cobertas de vinhas. Aliás, o vinho de Cinque Terre é muito famoso. Aqui há várias opções de restaurantes, geladarias, cafés e muitas coisas de comida italiana mais! Junto à costa é possível fazer praia. Comprando com Riomaggiore, Manarola tem muito mais para explorar – e subir! Ah, dá até para fazer praia. Muito fofa!

Visitar Cinque Terre: Visitar Corniglia

cinque-terre-Corniglia
Corniglia em Cinque Terre é a que está mais longe do mar

Das cinco terras, Corniglia é que está mais afastada do mar. Ao sair da estação, há umas cerca de 300 escadas para subir. Se tiver o cartão Cinque Terre, podem ir de autocarro até ao topo gratuitamente. Ainda assim, ainda que o número assuste, as 300 escadas não são assim tãaaao difíceis de subir – e as vistas valem a pena! Corniglia é bem pequenina e está cheia de pequenos cafés e locais escondidos, com vistas incríveis. Por ser tão diferente das outras, é das mais especiais também.

Visitar Cinque Terre: Visitar Vernazza

cinque-terre-Vernazza
Vernazza outra das Cinque Terre

Vernazza é outra: suuuper fotogénica. Acho que de todas é das mais fáceis de explorar. Contudo, não se iludam, tem também muitas escadas para trepar e subir! Subir, subir e subir! Junto ao porto, há uma igreja muito lindinha, que vale a pena visitar!

Visitar Cinque Terre: Visitar Monterosso

cinque-terre-Monterosso
Monterosso é a maior das Cinque Terre

Esta é a maior das cinco terras e aquela onde há mais vida local. Embora haja muitas zonas de praia privada, onde se tem de pagar (algo muito comum nas praias de Itália), há áreas gratuitas, onde se pode fazer praia. Uma notinha: o mar de Cinque Terre não tem a temperatura do Atlântico, mas não é propriamente uma sopa – em maio, eu não consegui entrar! Mas talvez seja eu, que estou mais mariquinhas! Em compensação, é bem limpinha e de águas turquesas, como podem ver nas fotos! Juro que não usei Photoshop, nem filtros!

 

A pergunta do Euromilhões: Cinque Terre é caro?

Quem já andou a viajar pela Itália, sabe que Itália é caro – comer em Itália, visitar museus, transportes, etc. Em Cinque Terre, tendo em conta a quantidade de visitantes, os preços são bastante acessíveis – sobretudo quando comparamos com outras cidades italianas, como Veneza, Milão ou Roma. As pessoas da região da Ligúria têm a fama de forretas, talvez seja essa a explicação!

Mesmo assim, se quer poupar ou anda a viajar barato, pode sempre levar comida ou comprar uma pizza ou focaccia baratinha.

O que vale a pena conhecer e visitar La Spezia?

visitar-La-Spezia-italia
La Spezia: um bom ponto de partida para visitar Cinque Terre

La Spezia não é uma Roma ou uma Florença, mas como não há cidades italianas feias, até La Spezia acaba por ter o seu encanto! A cidade tem um porto enorme (gigante!) e tem também uma das maiores indústrias militares de Itália. Isto importa saber, porque está patente na arquitectura da cidade, que aliás foi construída para esse fim: hospedar e albergar militares. Aliás, La Spezia é uma cidade novinha, que começou a ser projectada em 1920. Primeiro estranha-se, depois entranha-se!

Ah, quanto a comer em La Spezia, não se esqueçam de comer a farinata!