nao-fazer-numa-viagem-a-Portugal

O que não fazer numa viagem a Portugal

Com planos para uma viagem a Portugal? Então, veja aqui algumas coisas que não deverá fazer durante a sua visita a Portugal – digo-vos eu que sou portuguesa!

1. Ir ao McDonald’s

Uma vez, umas alemãs contaram-me que no fim de semana que tinham ido ao Porto pela primeira vez e… foram duas vezes ao McDonald’s. Na hora, não sabia se lhes bater ou se chorar por elas!
Convenhamos: come-se MUITO bem em Portugal e há um sem fim de pratos e comida portuguesa assim como produtos para experimentar. Logo ir ao Mac ou a outra cadeia de fast food é só triste e desnecessário. Além disso, quando comparamos Portugal com outros países europeus, como França ou Itália, come-se (ainda) muito barato!

2. Comida obrigatória

caldo-verde
O belo do Caldo Verde – sopa de erva, como diziam uns amigos turcos

Nesse sentido, não pode terminar a sua viagem a Portugal, sem comer:

  • Pelo menos um bacalhau (Bacalhau à Brás, com natas e no formo estão entre os mais populares)
  • Um paste de nata – de Belém e da Manteigaria se estão em Lisboa
  • Francesinha, se estão no Porto
  • Broa
  • Açorda
  • Algo com frutos do mar, como um arroz de marisco
  • Sopa: Caldo Verde
  • Alheira

Quanto a bebida, aqui fica a lista:

  • Vinho (branco e tinto)
  • Vinho do Porto
  • Moscatel
  • Café, expresso, após o almoço

3. Usar saltos altos

calcada-portuguesa-portugala

Pessoalmente acho que viagem e saltos não combinam. Em viagem, uma pessoa quer é andar confortavelmente. Se gosta de andar saltos, muuuito legítimo. Contudo quando viajar para Portugal, prepare-se para conhecer o maior inimigo de uns tacões: a calçada portuguesa!

4. Levar os portugueses demasiado a sério

Em Portugal, usa-se muito a ironia e o sarcasmo. Ou seja, quando alguém faz uma piadola (seja boa, má ou só seca), a expressão facial não vai mudar, nem o tom da voz e, nem sempre, ouvirão gargalhadas no fim. Caso contrário, qual seria a graça?
Além disso, existe todo um rol de piadas secas reservadas a empregados de café e funcionários em geral. Aqui ficam dois exemplos clássicos:

Cliente – Queria um café, por favor.
Empregado – Queria? Já não quer?

 

Cliente – Perdi o autocarro das 19h00. Qual é o próximo?
Funcionário – Como é que perdeu uma coisa tão grande?!

Em compensação, é gente fofa que usa “menina”, em vez de “senhora”!

5. Falar mal de Portugal

Dificilmente vai ouvir um português a falar bem sobre Portugal. Somos do mais crítico e do mais negativo que há. Se começar a contar que no seu país morrem focas bebés a cada dois segundos, um português vai superá-lo com uma desgraça nacional ainda maior! Todavia, isso não significa que possa dar continuidade e ofender o (nosso) querido Portugal. Aliás, nem se atreva.
Ou melhor atreva-se. Logo, irá escutar um português na defensiva, a clamar um sem fim de coisas boas e maravilhosas sobre a pátria – “Contra os canhões marchar, marchar”

6. Assumir que faz sempre calor

Uma ideia MUITO errada sobre Portugal prende-se com o clima. Se vão para a Madeira, sim, no inverno é quentinho – ou menos frio! Todavia, o mesmo não acontece nos Açores ou no continente, onde no inverno faz frio pa cara”#&! Sobretudo na parte centro/norte do país, onde o frio é muitas vezes húmido, de gelar os ossos.
Além disso, poucas são as casas com aquecimento! Razão pela qual, continuo a achar Portugal um dos países mais frios – e olhem que eu já vivi em Riga e em Berlim, onde as temperaturas chegam aos menos 20 graus! Verão como pijaminhas poplares, numa viagem a Portugal, facilmente se transformarão nos vossos melhores amigos!

7. Não saber nada sobre Portugal


Obviamente que pode vir viajar para Portugal sem saber nada de nada sobre o país. Obviamente também que na sua viagem a Portugal, irá aprender muito sobre este país à beira-mar plantado.
Contudo, se quer impressionar um português, saber alguma coisinha cai sempre bem.

Aqui ficam alguns factos importantes:

  • D. Afonso Henriques foi o primeiro rei de Portugal, depois de ganhar a guerra contra a mãe.
  • Somos país velho, criado em 1143
  • Em tempos, tivemos um império, de onde constavam países como Brasil, Angola, Moçambique, Macau e até Goa, na Índia.
  • A língua portuguesa é um orgulho nacional. Com destaque para escritores como Luís de Camões e Fernando Pessoa.
    Saramago ganhou o Nobel da Literatura. Egas Moniz o da Nobel de Fisiologia ou Medicina devido à leucotomia.
    Como a leucotomia acabou associada à lobotomia, embora sejam procedimentos diferentes, este é um Nobel controverso e menos gabado.
  • O 25 de abril representa o fim do fascismo em Portugal, que ficou conhecido como a pacífica Revolução dos Cravos.
  • O futebol é rei, mas o Cristiano Ronaldo não é o único rei. Eusébio e Figo também mexem com o emocional futebolístico de um português.
  • Nem Lisboa, nem Portugal têm mar. Lisboa tem rio (o Tejo) e Portugal tem oceano (o Atlântico).
  • Temos orgulho na “saudade”.
  • Fado é fixe.
  • A Madonna vive em Lisboa.

8. Assumir que Portugal e Espanha são a mesma coisa

portugal-espanha

95,81% das pessoas não portuguesas, amigos ou colegas de trabalho, que eu conheço/conheci e que visitaram Portugal, dizem-me sempre: “Portugal e Espanha não têm nada a ver”. Pois não, amigos! A gente está aqui lado a lado, mas sem saber que um come bacalhau e vende toalhas, enquanto o outro prefere flamenco e paella (grande mentira, pois até os estereótipos em Espanha variam de região para região) não sabemos muito mais.
Por norma, os portugueses são mais tranquilos; enquanto os espanhóis mais faladores. As diferenças notam-se também ao nível da forma de estar, assim como da cultura, história e idioma! Todavia, isso não significa que uns são melhores do que outros! São simplesmente diferentes e isso é bom!

9. Falar espanhol

Suponho que para estar a ler isto, saiba ler e falar português, certo? Seja como for, nunca, JAMAIS fale para um português em espanhol. Simplesmente odiamos! Boa parte da identidade nacional portuguesa foi construída por andarmos à porrada com os espanhóis.
Além disso, tendo em conta que Portugal é um país pequenino, desconhecido para muitos e encaixado em Espanha, é muito comum ouvirmos que “Portugal faz parte de Espanha” ou que “em Portugal se fala espanhol” – e a gente não gosta disso!

10. Ir embora sem ver o pôr do sol

por-do-sol-em-portugal

Um dos privilégios de Portugal é sem dúvida a sua excelente localização, com destaque para a costa, toda ela banhada pelo Atlântico. É certo que com excepção do sul do país, a água é só gelada. Todavia, as vistas são bonitas – lindas mesmo! Aliás, se na sua viagem a Portugal conseguir encaixar uma road trip pela costa portuguesa, não se vai arrepender! Assim sendo, numa viagem a Portugal, ver o pôr-do-sol, que desce no mar, é um espectáculo único e imperdível. Aliás, mesmo que esteja a viajar em Portugal no inverno, se estiver sol (muuuiito provável), não perca este belo cenário!

 

Que outras dicas têm para partilhar?