top-10-produtos-portugueses

Top 10 Produtos portugueses

Top 10 Produtos portugueses que Portugal devia exportar mais

Vamos falar de produtos portugueses? Aliás, vamos falar concretamente de produtos portugueses que Portugal devia exportar?

Primeiramente, quero deixar claro que eu sou uma barriguda emigrada, logo este top 10 de produtos portugueses, refere-se aos dez produtos portugueses, que EU não encontro e mais sinto falta na minha vidinha de todos os dias. Coisas boas que Portugal poderia exportar mais e partilhar com o mundo e que eu não encontro.

1. Manteiga Milhafre

produtos-portugueses-Manteiga-Milhafre
Manteiga Milhafre: de longe, a melhor manteiga salgada

Já aqui vos expliquei que sou da geração de 80, a geração pão com manteiga.
Logo, eu adooooro manteiga.
Contudo, eu adooooro manteiga salgada. As outras são só tristes e desinteressantes. Sendo que um dia em que eu mande neste mundo, serão totalmente abolidas.
Dentro das manteigas salgadas, a Milhafre dos Açores é a minha favorita, embora também gosto muito da Mimosa.

2. Broa de Milho

produtos-portugueses-broa-de-milho
Onde andas tu Broa de Milho?

Agora façamos todos um minuto de silêncio, para recordar o bom que é comer um pedaço de broa com Milhafre. Pensem na broa ainda quentinha, a fumegar! Já não falo, nem peço pão alentejano, bicos (sou de Coimbra, deslarguem-me), nem de uma broa de Avintes. Contudo, onde andas tu Broa de Milho? Tu e a tua crosta maravilhosa, tão difíceis de achar?

Enquanto, o pastel de nata se internacionaliza cada vez mais – se bem que: pastéis de Nata da Manteigaria, onde andam vocês? – da broa de milho parece não haver notícias!

3. Queijo português

queijos-serra-da-estrela
Queijo Serra da Estrela | Foto de Instagram @bestxperience

Neste sentido, vamos continuar pelas comidas e produtos portugueses light, ok? Obviamente que neste mundo global em que vivemos, que hoje em dia há muito queijo bom por esses supermercados afora. É um produto bem internacional e que se exporta bem.
Contudo, onde andam os queijos portugueses alguém sabe? Alguém viu? Falo de um bom queijinho de Azeitão! De um Rabaçal! Ou do rei do rei dos queijos portugueses, o queijo da Serra da Estrela – um grande amén a este menino! Pessoalmente, também sinto falta do requeijão – e não me lixem, requeijão e ricota são coisas bem diferentes. Super – ok, ok, nem tanto assim!

4. Alheira

produtos-portugueses-alheiras
Frita ou no forno? Como gostam de comer a alheira?

Como senhores, como? Como é que não há alheiras em cada esquina? Como é que o mundo ainda não se despertou para a gostosura da alheira. Este é daqueles produtos portugueses que faz muita falta, ainda mais porque se cozinha em três tempos e despacha muitos jantares.

5. Farinheira

farinheiras-portuguesas
Farinheira roubada a Instagram de @chefkikomartins

Ainda que pudesse, não se preocupem, não vou fazer aqui um top 10 dedicado aos embutidos portugueses – mas podia!  Contudo, se uma alheira faz muita falta, outro dos produtos portugueses que bate forte cá dentro, com direito a lágrima e a musquinha triste é a farinheira. Farinheira, I miss you!

6. Feijão frade

feijao-frade
Feijão frade

Continuando na onda de produtos portugueses que dão jantares rápidos e deliciosos, eis o feijão frade! Ideal para acampamentos e festivais e inaptos na cozinha! Posso viver anos e anos, que nunca vou entender isto: por que é que não mais feijão frade no mundo? Sem ser em Portugal, nunca encontro. Sou só eu?
E é a coisinha mais fácil e básica de todo o sempre para despachar uma refeição – bota feijão frade, pica cebola e salsa, junta atum e coze um ovo. Voilá!

7. Sumos da Compal

compal-sumos
Foto de Instagram @compal

Como assim, vocês são emigras e bebem Compal? Ao meu supermercado estrangeiro, o Compal ainda não chegou. Recordo-me de ver sumos da Compal em Espanha, mas eram sempre tão caros que foi como se não estivessem lá. De todos os Compais, o meu favorito é o de maracujá, que casa na perfeição com o melhor lanche de Coimbra: croissant prensado com queijo!

8. Brisa de Maracujá

brisa-de-maracuja
Foto de Facebook de @Ecm.Brisa

De todos os produtos portugueses desta lista, este é o mais flagrante! A primeira vez que bebi Brisa foi na Madeira e fiquei fan, sobretudo da Brisa de Maracujá. Agora expliquem-me lá como é que isto ainda não chegou a Portugal? Ou sim e eu sou a única pessoa que nunca a viu à venda? Mandem lá isso no avião da Ryanair que a gente bebe!

9. Couve de caldo verde

couves
Couve linda

Primeiramente e antes de me queixar, digam-me é ou não difícil encontrar couve para o caldo verde? E olhem que eu nem sou exigente, eu já vou mentalizada que terei de ser eu a picar a bicha, mas nem assim a encontro. Parece-me que couves é coisa que não assiste aos supermercados fora de Portugal, o que é pena!

10. Cerelac

cerelac-portuguesa
Ceralc I love you

Segundo a minha mãezinha, eu cuspia a Cerelac toda e fui quase do leite à comida de gente, porque não gostava de papas. Ora, eu conheço a senhora minha mãe e imagino-me a cuspir Cerelac uma vez e ela logo, “a miúda não gosta, doem-lhe feijão”. Ou seja, a minha mãe nunca deu oportunidade à Cerelac!
Redescobri a Cerelac aos 14 anos e foi como ver a luz. Não fosse aquilo tão gordo (obviamente, que a como com leite) e era Cerelac ao pequeno-almoço, almoço e jantar. Fora de Portugal, só encontro Nestuns e outros primos, contudo, temos pena, mas não é a mesma coisa.

 

E desse lado, que produtos portugueses, na vossa opinião Portugal deveria exportar mais?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *