Cidades-do-veneto

Cidades do Veneto para visitar

Situada a nordeste de Itália, o Veneto é uma das mais lindas regiões italianas e casa de quase 5 milhões de viajantes. Além disso, a capital do Veneto é a cidade de Veneza, logo esta é também uma das regiões mais visitadas de Itália. Contudo, há muito mais para visitar no Veneto do que Veneza. Aqui ficam cidades do Veneto para visitar!

Ah e tendo em conta que é caríssimo dormir em Veneza, pode sempre optar por dormir numa destas cidades, pois todas elas estão bem conectadas através dos comboios em Itália!

1. Veneza, a menina bonita

veneza-para
Além de ser a capital do Veneto, Veneza é uma das cidades mais visitadas do mundo, atraindo milhões de turistas todos os anos. E, é um facto, Veneza é uma lindona e única. Aliás, não há uma cidade igual, nem que se lhe compare! Obviamente que está cheia, mas vale a pena visitar Veneza, pelo menos uma vez na vida!

2. Verona, a cidade da Julieta

veneto-verona
Outra das cidades do Veneto a visitar é, sem dúvida, Verona. Conhecida como a cidade do Romeu e Julieta, Verona é uma fofinha. Além da Casa da Julieta, não deixem de visitar a Arena de Verona, um mini-mini Coliseu no centro da cidade. E se vão no verão, aproveitem para ir ver os vários concertos e espectáculos que ocorrem à noite!

3. Pádua, a cidade de Santo António

cidades-do-veneto
Para muitos, Pádua é uma cidade de peregrinação, pois está associada ao Santo António. Aliás, na Basílica de Santo António podem estão expostas as relíquias do santo. Contudo, Pádua é também uma cidade dinâmica e muito jovem. Afinal é aqui que está a Universidade de Pádua, uma das mais populares de Itália. Pessoalmente, gosto muito de Pádua e acho que facilmente poderia viver aqui.

4. Treviso, a terra do tiramisu

cidades-veneto
Para mim, Treviso foi uma boa, muito boa, surpresa. Esta cidade do Veneto é um encanto, cheia de ruas e ruelas e velhos palácios, igrejas e praças. Além disso, também possui vários canais, tal como em Veneza e é a terra do tiramisu. Aliás, se vão visitar Treviso, não deixem de ir à Le Beccherie, o restaurante onde o tiramisu foi inventado – deuzozbenza! Se bem que estão em Itália, ou seja, encontrar boa comida italiana é fácil, facinho!

5. Vicenza, para admirar a obra de Andrea Palladio

viagens-veneto
De todas as cidades do Veneto desta lista, esta é a única onde nunca estive. Contudo, se procuram cidades do Veneto para visitar durante um dia, Vicenza é uma boa opção. Se bem que vale também a pena consultar o programa do (bele) Teatro Olímpico e até ponderar passar aqui uma noite com direito a espetáculo. Seja como for, Vicenza não desilude e tal como acontece com tantas outras cidades italianas, também o centro histórico foi considerado Património Mundial da Unesco. Possivelmente, é a Andrea Palladio, o arquitecto que no século XVI, deu um toque romano a muitos dos edificios de Vicenza, que a cidade deve este título.

6. Bassano del Grappa, a cidade do grappa e do mezzo mezzo

ser-nomada-digital-em-italia
Uma vez que passei aqui quase dois meses como nómada digital, Bassano del Grappa, aliás Bassaninho está no meu coração. Quanto a atracções, as Piazza Libertà e Piazza Garibaldi são os principais pontos de interesse da cidade. Isso e, em abril, os espargos brancos. Na hora de beber em Bassano del Grappa, experimentar grappa no final da refeição é obrigatório. Mas antes, parem no bar da ponte medieval, para um mezo mezo e apreciar a paisagem-postal de Bassano!